SEM GLUTEN SEM LEITE SEM OVO SEM SOJA VEGETARIANO

Pasta de castanha de caju

28 de abril de 2015

Quem tem restrição alimentar sabe bem como é difícil ser criativo na hora de procurar opções para passar no pãozinho ou na torrada, ou até mesmo para criar um antepasto para receber as visitas.

E então, inspirada na receita da Bela Gil de creme de castanha de caju, fizemos uma pasta salgada irresistível para te acompanhar no café da manhã, da tarde, nas visitas…. Super versátil. Além de dar aquela segurada a fome! Ajuda demais a saciar.

Confira como fazer.

 

 

Ingredientes:

– 200g de Castanhas de caju;

– Água fervente quanto baste para cobrir as castanhas;

– 200ml de água filtrada ou mineral;

– 1/4 cebola roxa pequena finamente picada;

– 1/2 dente de alho pequeno em fatias finas;

– 1 colher de sopa de azeite extravirgem;

– Ervas ou pimenta a gosto (gosto de usar molho de pimenta Jalapeño nessa receita);

– 1/2 colher de chá de sal (ou o tanto que preferir);

– 1 colher de chá de suco de limão.

 

 

Modo de preparo:

Coloque as castanhas de caju de molho na água fervente por cerca de 8 horas (costumo deixar antes de dormir, e faço a pasta pela manhã). Escorra a água.

Em um processador ou no liquidificador, bata as castanhas com os 200ml de água por cerca de 5 minutos, até a mistura ficar bem cremosa.

Em uma panela pequena ou frigideira, doure a cebola roxa no azeite e, em seguida, acrescente o alho. Despeje o creme de castanha, coloque sal, pimenta ou ervas a gosto e o suco de limão, e deixe refogar por 3 ou 4 minutinhos.

Conserve na geladeira, em um pote fechado. Dura cerca de 5 dias.

Essa quantidade eu costumo separar a metade para consumo e a outra metade eu congelo. Fica ótimo!

 

 

 

Daí o uso é da imaginação, mesmo. Você pode tentar fazer com outras castanhas também. Caso queira usar a Castanha do Pará, recomendamos que faça um mix com outras castanhas. A castanha do Pará é rica em selênio e seu consumo máximo é de duas unidades por dia, em dias intercalados. Mais do que isso pode ser tóxico ao organismo (Agradecemos a nutricionista Renata Pinotti pelo auxílio nesta receita! :-* )

Um pouco mais ralo (batido com um pouco mais de água) e pode virar um molho delicioso pra comer na salada, no macarrão…. hummmm….

Experimente e venha nos contar o que achou! 😉

You Might Also Like

1 Comment

  • Reply Sabor sem limite | Crepioca 1 de maio de 2015 at 00:17

    […] Pasta de castanh… […]

  • Leave a Reply